Sabemos que temos 4 habilidades principais em qualquer idioma, são elas: audição, fala, escrita e leitura.

Chamamos de habilidade produtivas a fala e a escrita enquanto que a leitura e a audição são as habilidades receptivas (productive and receptive skills). A facilidade que as pessoas têm em cada habilidade varia de pessoa para pessoa, e ainda é possível que a mesma pessoa tenha mais habilidade em um tipo de habilidade do que no outro. Desta forma, as habilidade que são mais ‘fracas’ devem ser praticadas com mais frequência para que possa eventualmente se equiparar com as outras.

O listening é uma das habilidades que normalmente as pessoas que estão aprendendo inglês têm mais dificuldades por diversos motivos, como sotaques de diferentes países, a rapidez da fala, falta de vocabulário para compreender a mensagem por inteiro, dentro muitas outras.

Mas não precisa ficar desmotivada! Existem estratégias para te ajudar a melhorar sua habilidade de compreensão auditiva e aqui são algumas das que usamos aqui na On Demand com nossas alunas e que são infalíveis!

 1. Foque em ‘keywords’

Quando estamos ouvindo algo na nossa língua materna conseguimos, obviamente, entender todas as palavras que são ditas. Entretanto o mesmo não acontece quando estamos no começo da jornada para aprender um segundo idioma. Normalmente o que acontece é que o aluno começa a ouvir, então não entende alguma palavra e trava. A atenção fica totalmente focada naquela palavra que não foi compreendida e é ai que o negócio começa a desandar. Neste momento que você fica tentando decifrar o que foi dito, o áudio continua seguindo, e quando você finalmente desiste de tentar entender você já perdeu muitas outras informações importantes para compreender o vídeo e pronto, você se embanana todo, se frustra, fica com raiva e desiste de tentar entender. Quem nunca?

O segredo então é focar inicialmente no conjunto de elementos usados para a compreensão do contexto global da conversa, é o que chamamos de ‘main idea’ ou a ideia principal da mensagem do que quer que você esteja ouvindo. Tenha isso em mente: Você não precisa entender todas a palavras que são ditas para entender a ideia/mensagem central ou principal do áudio. Entendendo algumas palavras principais você já consegue ter um bom entendimento.

Sendo assim, a dica de ouro é focar nas key words ou palavras chaves. Mas, o que são elas? São aquelas palavras que trazem sentido para a frase, normalmente são as ações (verbos), as pessoas que fazem essa ação (pronomes, nomes), qualidade dos objetos ou descrição das ações (adjetivos e advérbios respectivamente). Vamos ver um exemplo para esclarecer?

Aqui nós temos um pedaço de um transcript de um vídeo do Ted Talk (How to have constructive conversations – https://www.ted.com/talks/julia_dhar_how_to_have_constructive_conversations):

“And over two weeks, he has hundreds of conversations with Americans from New Hampshire to Miami. Some of them are tough conversations, complete differences of opinions, wildly different worldviews, radically opposite life experiences. But in all of those interactions, Dad walks away with a big smile on his face and so does the other person. You can see one of them here. And in those interactions, he’s having a version of what it seems like we have less of, but want more of — a constructive conversation.”

Quais palavras você acha que deve focar sua atenção para entender a ideia principal dessa passagem? Aqui está algumas opções:

“And over two weeks, he has hundreds of conversations with Americans from New Hampshire to Miami. Some of them are tough conversations, complete differences of opinions, wildly different worldviews, radically opposite life experiences.”

Apenas com essas palavras selecionadas em negrito já é possível entender grande parte da mensagem do vídeo. Agora que você já entendeu como se faz tente com o resto da passagem. Use o link do áudio para te ajudar.

2. Use transcripts

Já que estamos falando de transcripts por que não usar e abusar deles? Sim, eles são uma ferramenta poderosa para melhorarmos nosso listening.

Você pode usá-los de diferentes formas, a que eu mais gosto e que sempre usamos aqui na On Demand é a seguinte:

1 – Assista ao vídeo ou escute ao áudio pela primeira vez e tente usar a dica anterior de focar nas key words.

2 – Assista ao vídeo ou escuto ao áudio pela segunda vez para agora entender melhor os detalhes. Na segunda vez é garantido que você entenderá muito mais informações e palavras que foram perdidas na primeira vez.

3 – Você pode utilizar o transcript na segunda vez que estiver em contato com o vídeo ou áudio, ou assistir pela terceira vez e utilizá-lo. Ai então você deve ler o transcript enquanto escuta ao áudio.

4 – Para ajudar a desenvolver vocabulário selecione no transcript as palavras que você não tinha entendido da primeira vez – ouça novamente essas palavras e repita também para aprender a pronúncia delas.

3. Desenvolva sua pronúncia

Aprender a pronunciar corretamente os sons em inglês pode ser um grande diferencial para compreender os sons da língua. Use os dicionários online para te ajudar com isso, como o Cambridge: https://dictionary.cambridge.org/pt/

Nele você normalmente encontra duas pronuncias para a mesma palavra, com sotaque britânico e americano.

Foque em entender as nuances das pronúncias como os minimal pairs – são sons que são parecidos no inglês mas podem mudar o significado da palavra, como o som curto e longo do i – /I/ e /i:/

Sheep – som longo do i – /shiiip/ (ovelha)

Ship – som curto do i – /ship/ (navio)

Gostou das dicas? Você já utiliza alguma delas? Você conhece outras estratégias? Conta pra gente aqui nos comentários!

Para continuar aprendendo não deixe de nos seguir nas redes!

Insta: @on_demand_english

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.